Você está em:

Esportes

Bilionários tentaram comprar Liverpool antes do City

 

O grupo Abu Dhabi comprou o Manchester City em 2008. Mas poderia ter sido o Liverpool.

 

Pelo menos é o que revelou Graeme Souness, ex-meia e capitão do time de Anfield. O ex-jogador e atual comentarista do Sky Sports disse que soube da história pela própria Amanda Staveley, bilionária inglesa que intermediou a negociação entre Sheik Mansour e os Citizens.

 

"Fui para Dubai 12 ou 13 anos atrás. Fiquei no Atlantis Hotel (...) Uma pessoa veio e se apresentou, depois uma mulher (Amanda) se juntou a nós e disse que era torcedora do Liverpool", relembrou Souness.

 

"Durante a conversa, ela disse que estava responsável por levar o grupo Abu Dhabi ao Manchester City. Eu disse: 'Cinco minutos atrás você disse que torcia para o Liverpool, por que você não os levou para lá?'", continuou.

 

"Ela disse: 'Eu tentei, mas Gillet e Hicks (antigos donos do Liverpool) foram tão difíceis de lidar que eles apenas acabaram desistindo."

 

Em setembro de 2008, o grupo Abu Dhabi concretizou a compra do City por 210 milhões de libras. Desde então, o clube iniciou uma era vitoriosa e consolidou como uma das principais forças da Inglaterra e Europa.

 

Já o Liverpool ficou sob comando dos americanos Tom Hicks e George Gillett de 2007 a 2010, quando o consórcio New England Sports Ventures anunciou a compra do Liverpool por 300 milhões de libras.

 

 

fonte: MSN


Comente









Notícias Gerais


Outras Notícias